GRUPO GRX - Todos os direitos reservados. GRUPO GRX - Todos os direitos reservados. GRUPO GRX - Todos os direitos reservados.
0 Seu Carrinho
Seu Carrinho está vazio
Navegue por nossa loja e encha seu carrinho com as melhores ofertas!
WhatsApp: 16 9 9618-5800 /  Ribeirão Preto: (16) 3916-5800   São Paulo: (11) 3280-2003   Rio de Janeiro: (21) 3942-8020
Mais Visões
Por: R$1.530,00
  • Compre 2 por R$1.500,00 cada e economize 2%
  • Compre 4 por R$1.480,00 cada e economize 4%
Boleto c/ 5% à vista R$1.453,50
6x de R$255,00 sem juros
ok + -
Ligue e Compre
(16) 3916-5800
Simulador de frete

Secador De Mãos Inox Luxo Automático Cr-109 220v

Cód.: CR-109

O Secador de mão profissional CR-109 em aço inox para alto fluxo de pessoas, foi desenvolvido em aço inox com motor de 20000 rpm e potência de 1780 a 2100W. Possui um tempo de secagem de 6 a 10 segundos e um fluxo de ar de 240 litros por segundo.


Características do Equipamento 
- Fluxo de Ar: 240 l/s
- Tempo de Secagem: 06 a 10 segundos
- Potencia: 1780 a 2100 W
- Motor: 20.000 rpm
- AC: 220 V / 50Hz / 60 Hz
- Peso liquido: 5,0 kg
- Peso Bruto: 6,0 kg
-Material: Aço Inoxidável escovado
- Medidas: A=32,5 Cm x L=29,5 Cm x P=17,1 Cm
- Embalagem: Caixa de Papelão
- Proteção IPX1
- Garantia: 01 ano (contra defeitos de fabricação)
- Validade: Indeterminada
- Procedência: China


"Produto certificado através da Portaria Inmetro nº 371 de 29 de dezembro de 2009".

  • 1x de R$1.530,00
    sem juros
  • 2x de R$765,00
    sem juros
  • 3x de R$510,00
    sem juros
  • 4x de R$382,50
    sem juros
  • 5x de R$306,00
    sem juros
  • 6x de R$255,00
    sem juros
Descrição

O Secador de mão profissional CR-109 em aço inox para alto fluxo de pessoas, foi desenvolvido em aço inox com motor de 20000 rpm e potência de 1780 a 2100W. Possui um tempo de secagem de 6 a 10 segundos e um fluxo de ar de 240 litros por segundo.

Características do Equipamento 
- Fluxo de Ar: 240 l/s
- Tempo de Secagem: 06 a 10 segundos
- Potencia: 1780 a 2100 W
- Motor: 20.000 rpm

"Produto certificado através da Portaria Inmetro nº 371 de 29 de dezembro de 2009".